[Revival] Membros do CAN fazem manifesto contra a DEN.

O texto anterior sobre o manifesto do CAN contra a DEN pode servir para esclarecer as intenções políticas de alguns conselheiros e as manobras que realizam para isso. Não havia necessidade daquele texto (e nem mesmo deste) para denunciar a questão quando o próprio histórico destes órgãos conta com intervenções ilegítimas, comissões de ética inventadas, cobranças ilegais de taxas internacionais e uso político-partidário da associação para interesses alheios ao desenvolvimento do escotismo no Brasil.

Mas por pequena que seja a possibilidade de não entendimento do texto anterior, sempre é dever do emissor (este blog) explicar em outras palavras.

Enxurradas de críticas e ameaças por parte destes senhores são perfeitamente normais. Afirmar que este espaço tem mágoa no coração, que é um tanto ácido também é compreensível. Mas afirmar que as informações que são postadas aqui não seguem algum rigor é tão tolo quanto eu afirmar que todas as direções escoteiras são pautadas por puro amor à causa.

Fofocas e mentiras. Trick or treat.

Estes senhores confundem “fofoca” com sigilo da fonte, o que é normal para quem confunde (ver abaixo) transparência com “vazamento” de documentos de interesse institucional – nada menos que uma destituição da diretoria nacional.

A associação tem um largo histórico de perseguir internamente (pelas comissões de ética) e judicialmente associados que se confrontam às diretorias. Então, é normal que muitos usem este espaço para denunciar situações, mas não desejam que suas identidades sejam reveladas. E eles devem e serão preservados neste sentido. E reparem que o que estes senhores usam para acusar é de um teor tão alto de hipocrisia, que o próprio manifesto contra a DEN alega que “há provas contra Raphael Tostes”, por exemplo, e não as apresenta.

Um caso recente para ilustrar a situação é o de dois escotistas que hostilizaram um jovem por ele pertencer a uma outra associação. Os pais e o diretor-presidente que compartilharam o caso pediram que não fossem identificados aqui por temor a alguma represália. E assim foi feito.
O CAN e a DEN, muito ocupados com as próximas eleições, bem que poderiam deixar de apontar blogs e perfis pessoais como causadores das crises que eles mesmos criam para apurar o que aconteceu neste caso.

Um outro episódio foi a questão da diretoria da UEB-SP impor sanções a grupos que não participassem das atividades. O diretor-presidente dessa região, como defesa e usando da mesma tática que o diretor-presidente do CAN, afirmou que era tudo mentira…até que os e-mails e as conversas foram facilitadas por um associado de São Paulo e disponibilizadas por este blog.

Nem ao menos disfarçam o modo de operar padronizado quando suas pretensões políticas estão em voga: ou perseguem ou começam uma campanha de desprestígio de quem informa.

Mas este blog não publica tudo que recebe. Desde casos de assédio (que já foram levados ao judiciário) em lojas escoteiras regionais aos casos em que uma diretoria se perdeu em algum comunicado (querendo publicar notas de apoio sem trânsito em julgado a um diretor que estava respondendo a processos criminais), este blog sempre respeitou um mínimo de quarentena para que estas ações fossem reavaliadas pela diretoria. E, vejam só, especificamente nos dois casos acima foram reavaliadas, as direções fizeram o certo e não houve nenhuma necessidade de trauma.

Da mesma maneira, não é como “Café Mateiro” que procuro estes senhores quando, sem sucesso, tento buscar algum contraditório que possam oferecer. Não é lógico que digam que as informações devem ser fechadas ao mesmo tempo que juram que facilitarão estas mesmas informações caso sejam procurados para oferecer seu lado da história.

Em última instância, não é novidade pra ninguém que se fecham em copas e evitam uma relação próxima ao associado. De “construção do mundo melhor”, simplesmente passaram a um espelho da sociedade, onde “transparência” e palavras doces são apenas marcadores discursivos em época de eleição.

E como último apontamento neste sentido, o espaço deste blog não está aberto apenas para denúncias, mas para que esta gente também possa oferecer sua versão sorridente dos fatos. Mas eles não o usam. Há três dias, por exemplo, completou um ano desde o caso dos escotistas de Santa Catarina e, na ocasião, foi oferecido o mesmo espaço para se explicarem. Até hoje não se pronunciaram.

Das listas de discussão, e-mails e grupos de Whatsapp chegou o seguinte comunicado do diretor-presidente do CAN. Ele não solicitou a divulgação por aqui, mas o divulgo assim mesmo:

“Não tenho nenhuma intenção de tornar-me diretor-presidente dos Escoteiros do Brasil”.
Talvez seja fofoca.

Café mateiro como articulador das chapas

Vocês devem ter notado que quando foi publicado o manifesto do CAN contra a DEN, automaticamente alguém saiu beneficiado. Neste caso, o blog sem querer acabou montando parte da defesa para a atual diretoria executiva nacional, ainda que tenha feito menção à gravidade das denúncias e a necessidade de apuração. Isso acontece uma e outra vez em diversos episódios e para os diversos lados que compõem o habitat escoteiro. Também foi com muita graça que recebi uma conversa, há anos, de uma chapa para as eleições da UEB-SP afirmando que facilitaria informações ao Café Mateiro para prejudicar uma outra chapa. Se não houvesse rigor nas publicações, este blog também seria apenas um espelho do âmbito institucional: La Cage aux Folles.

Mas nada disso importa. O que importa é que todos vocês entendam que os cargos institucionais são disputados politicamente por mais que digam que tudo é como uma bela canção escoteira ao pé do fogo. Igualmente é importante que todos nós saibamos que enquanto negarmos esta política e fingirmos que ela não existe, enquanto vocês não a discutirem dentro dos grupos, outros tantos a colocarão em prática para permanecer onde estão e fazer o que fazem.

Anúncios

3 pensamentos sobre “[Revival] Membros do CAN fazem manifesto contra a DEN.

  1. Parabéns ao Café Mateiro e que continue na missão de apresentar o que fica enevoado e oculto nesse contraditório Movimento Escoteiro, sempre de forma concisa, lúcida e inteligente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s