Seja um escoteiro.

sejaumescoteiro2Nestes dias, estive passeando por um parque da cidade e acabei encontrando alguns jovens carregando pequenas cruzes de madeira sob o braço. Eles faziam parte de uma nova proposta de igreja voltada à juventude, a “Onda Dura“. Tirando a confissão religiosa ou a própria incongruência bíblica no fato de carregar a cruz, parece que a proposta está ganhando adeptos, tornando-se um fenômeno entre jovens.

Neste ponto, seria justo que nos perguntássemos onde estariam os escoteiros para cobrir a demanda destes garotos e garotas que desejam uma atividade para o tempo livre, que procuram um lugar em que possam se sentir incluídos em um grupo.

Os escoteiros do Rio Grande do Sul parecem conhecer essa demanda e criaram um bom site chamado Seja um Escoteiro. Visitem.

sejaumescoteiro

Anúncios

2 pensamentos sobre “Seja um escoteiro.

  1. Varios movimentos de jovens já apareceram e como surgiram, sumiram! É “fogo de palha”que logo se apaga quando começa a surgir as responsabilidades e comprometimentos. Não se sustentam, pois a maioria não tinha uma ferramenta que motiva e cativa o público alvo: a Mística e Tradição, pois isto vem c/ o tempo…
    Nem as associações divergentes, oriundas do Movimento Escoteiro, tem sobrevivido e desenvolvido como seus criadores planejaram e, a maioria se arrastando como podem, c/ sacrifíicios enormes p/ sobreviver.
    Em todos os casos, vamos aguardar o resultado, caminhando os nossos próprios passos, como falou Caio Viana Martins.
    Abraços
    Elmer

    • Prezado Chefe Elmer, concordo plenamente com o Sr. Porém, creio que, pelo menos no Brasil, o escotismo já há muitos anos iniciou um processo de declínio. Não vou falar de UEB, mas sim dos próprios membros dos grupos escoteiros. Esta ferramenta à qual o sr, se refere – A Mística e a Tradição, estão totalmente corroídas. Note que os Escotistas mais jovens têm total desrespeito pelos escotistas mais velhos e sua tradições. Os mais jovens criticam e atacam impiedosamente qualquer iniciativa dos ditos Velhos Lobos, de dar , inclusive, qualquer palpite. Isto eu presenciei na pela e vejo acontecendo na MAIORIA dos G.E’s.
      Salvo, é claro, por razões óbvias de EDUCAÇÃO E TRADIÇÃO. os G.E’s ligados à comunidade japonesa, ligados a Igrejas ou G.E’s pertencentes à colônias Étnicas. E o senhor sabe bem de quem estou falando. O Restante, na sua grande maioria, digo até que em sua unanimidade, agem como que Tradição e Mística sejam coisas erradas. Cheguei a ouvir de uma instrutora de cursos, esta com Insignia da Madeira dizer que: “Tradições são formas de legitimar algo errado” Triste ouvir isto. Fica bem claro que toda a literatura dos anos 60, 70 e até de antes deste per[iodo, não vale mais nada. E todo chefe que vem desta época não tem mais nada a dizer, e se diz algo, não é levado a sério

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s